Buscar
  • Matheus Mans

'This is Us' volta ainda mais dramática e lacrimosa na terceira temporada


This is Us é série feita pra chorar. Ainda que seus criadores não forcem a barra com momentos bregas ou sequências exageradas, tudo ali parece orquestrado para fazer o espectador cair aos prantos com dramas da vida humana. E na terceira temporada não é diferente. Com estreia prevista para esta segunda-feira, 25, a produção volta ao canal pago FOX para escancarar as dores e as delícias das relações humanas verdadeiras.

Nesta nova leva de episódios, que o Esquina pode assistir com antecedência, o foco narrativo recai na experiência de Jack (Milo Ventimiglia) durante a Guerra do Vietnã, enquanto também sofre com a dolorosa morte de seu irmão Nicky (Michael Angarano). Outra questão de suma importância que ganhará destaque é a solução do mistério ao redor de Randall (Sterling K. Brown) e da versão adulta de Tess (Iantha Richardson).

Logo no primeiro episódio, por exemplo, o criador Dan Fogelman já define alguns acontecimentos que irão definir o rumo de grande parte do elenco. É delicioso ver o descortinamento do personagem de Ventimiglia (Heroes), que vai deixando o ar cartunesco, que o acompanhou em alguns episódios da série em temporada anteriores, para se revelar extremamente sensível. Um diálogo em um carro é maravilhoso.

O ponto alto de This is Us também está ali. É, puramente, um retrato da vida humana. Ainda que a dose de drama, por vezes, extrapole -- como na trilha sonora, que não consegue desgarrar do chatíssimo violão solo --, é difícil não se identificar com o que está sendo passado na tela. São retratos ótimos de arquétipos sociais, com suas particularidades, que ajudam a fazer com que a pessoa se veja, se entenda, se ilumine.

This is Us, em sua terceira temporada, promete muito. Os fãs devem continuar se emocionando e dificilmente vão se decepcionar com a série mais humana em exibição na televisão hoje. Prepare o lenço, prepare o coração. Se depender do primeiro episódio, as lágrimas vão rolar sem interrupção.