Buscar
  • Esquina da Cultura

Guia prático: 6 dicas para as novas fadinhas do skate

Atualizado: Out 19


Em todas as épocas de todas as culturas podemos observar os mitos, pessoas que destacaram-se por algum feito notável e se tornaram lendas a partir de então.


Esses indivíduos nos trouxeram esperança e alegria em momentos que precisávamos, fosse com inteligência, velocidade ou força, chegando a nos fazer acreditar em magia.


O Brasil teve mais uma adição recente ao grupo de figuras incríveis. Nas Olimpíadas de Tóquio 2020, Rayssa Leal voou com seu skate e nos fez acreditar mais uma vez em fadas.


A Fadinha do Skate criou um efeito que está levando a garotada a desejar voar nas pistas também, mas adquirir o status de skatista pode ser uma jornada árdua. Para começar a sua com o pé direito, criamos um guia com 6 dicas para te ajudar:


1. Busque conhecimento


A primeira coisa é se familiarizar com o mundo do skate: pesquise quais são as modalidades e diferenças entre cada uma e as marcas presentes na cena, como Santa Cruz e Overboard, pois isso determinará qual tipo de equipamento você vai comprar. Diferentes categorias requerem skates diferentes.


2. Sem ele, nada acontece


Dito isso, é hora de ir atrás da ferramenta que vai te possibilitar a desafiar a gravidade por aí: o skate. Entenda como ele é montado e suas peças, qual vai se adequar melhor a você e ao que quer fazer. Não esqueça dos equipamentos para proteção.


3. Ninguém nasce sabendo


Agora você sabe o que quer e tem a ferramenta pra isso, então o que falta? Aprender a andar. Procure por aulas para iniciantes. Hoje o esporte está em alta e há muitas escolas. Veja muitos vídeos também para conhecer as manobras e pegar dicas.


4. A prática leva a perfeição


É importante entender que você vai cair. Essa é a única forma de aprender e até mesmo os skatistas profissionais caem de vez em quando, então seja persistente e esteja ciente que talvez vá precisar de uma bolsa de gelo periodicamente.


5. Todo Nicolascagezinho


Não, não é pra ver o quão legal você parece ao andar de skate. Se gravar praticando é importante para que perceba as falhas que está cometendo e no que precisa melhorar, além de ser uma boa forma de receber feedbacks de quem já está em um estágio superior ao seu.


6. Tudo é melhor entre amigos


Todo o meio do skate é uma enorme comunidade onde há apoio mútuo, principalmente para quem está começando. Então busque conhecer os picos em sua cidade que são famosos por terem skatistas e faça amigos lá, isso vai te incentivar a evoluir.


A decisão de começar a aprender a andar de skate pode mudar para sempre a sua vida. Hoje o esporte é maior do que nunca e construir uma carreira em cima disso é bem possível.


Não se pode ter pressa, saber andar efetivamente e começar a fazer manobras requer paciência e querer apressar esse processo pode só te levar a desistir.


A jornada de mil passos começa pelo primeiro e agora que conhece essas dicas, aproveite para começar a arrepiar no skate e criar o seu impacto fadinha no mundo!

0 comentário