top of page
Buscar
  • Foto do escritorMatheus Mans

Crítica: 'A Verdadeira História do Roubo do Século' é excelente documentário da Netflix


Lembra quando você assistiu ao documentário sobre o Fyre Festival e, quando chegou aos créditos finais, estava com um sorriso no rosto pensando "que história maluca!"? É exatamente essa a sensação e emoção que surge com o documentário A Verdadeira História do Roubo do Século, longa-metragem que chegou ao catálogo da Netflix aqui na última quarta-feira, 10.


Dirigido por Matías Gueilburt (El Che, Guillermo Vilas: Esta Vitória é Sua), o longa-metragem mergulha na história de um roubo que marcou gerações na Argentina. Repleto de mistério, o assaltou vitimou um banco do país sul-americano e parecia ser um plano perfeito. Uma obra de arte, como um dos assaltantes insiste em dizer. Não havia pontas soltas, erros. Nada.


A Verdadeira História do Roubo do Século traz um panorama completo sobre o crime, entrevistando os próprios assaltantes e entendendo melhor o que havia por trás desse plano tão ambicioso. Olhando por esse prisma, o filme da Netflix poderia ser mais do mesmo -- um documentário criminal narrado de maneira sonolenta, sem atrativos e sem nenhuma boa ideia.


Só que não é isso que acontece. A Verdadeira História do Roubo do Século funciona muito bem por conta de três pontos centrais: personagens exuberantes, uma história inacreditável e, acima de tudo, uma ânsia em descobrir como a coisa termina, já que a história não ficou tão conhecida no Brasil. É saboroso ir degustando o filme, vendo os acontecimentos e o que se sucedeu.


Gueilburt sabe como usar as entrevistas dos assaltantes à seu favor, transformando-os em verdadeiros anti-heróis (quiçá, heróis) com personalidades fora da caixinha. Visualmente, também há inventividade. Tudo é mostrado com muito rigor estético. Sorte do diretor, que teve entrevistados que toparam participar de recriações e de interpretações divertidas sobre o roubo.


E o final... É a cereja do bolo. Gueilburt vai guardando a questão mais central que surge em nossas cabeças para o último segundo, com algumas revelações que são dignas das boas reviravoltas -- talvez o máximo que um documentário do tipo consiga alcançar. Fica a sensação de um bom filme, com uma boa história. A Verdadeira História do Roubo do Século é um acerto.

 

0 comentário

Comentarios


bottom of page