Buscar
  • Matheus Mans

44ª Mostra sedia encontro de lideranças femininas no audiovisual


A 2ª edição do Fórum Nacional Lideranças Femininas no Audiovisual volta à Mostra com uma programação intensa que inclui convidadas internacionais e o encontro de lideranças femininas de todo o país. O evento é uma iniciativa do +Mulheres Lideranças do Audiovisual Brasileiro, em parceria com a Spcine.


A cineasta israelense Alma Har’el, criadora da plataforma FREE WORK, a diretora Internacional de Originais da Netflix, Maria Angela de Jesus, e a cofundadora do Collectif 50/50, Delpphyne Besse, são nomes confirmados no evento.


Além das profissionais citadas, que vão apresentar seus projetos de apoio e estímulos às mulheres na condução de suas carreiras, o II Fórum Nacional de Lideranças Femininas

no Audiovisual homenageia, no dia 04, a produtor brasileira Mariza Leão.


Confira, abaixo, um detalhamento da programação oficial do Fórum de Lideranças Femininas:


03 de Novembro, terça-feira


10:45 - 11h00 - Abertura: ONU Mulheres

Anastasia Divinskaya | Representante da ONU Mulheres no Brasil


11:00 - 12:00 - Mesa 1 - Free The Work: uma plataforma internacional de talentos

A plataforma internacional FREE THE WORK, criada pela cineasta Israelense Alma Har`el, reúne portfólio de profissionais sub-representadas para promover sua inserção na publicidade, TV e plataformas de streaming.


16:00 - 17:00 - Mesa 2 - Collectif 50/50: a sociedade civil impulsionando mudanças

O COLLECTIF 50/50, criado pela profissional de mercado Delphyne Besse, organizou o protesto midiático em 2018 nas escadarias do Festival de Cannes, com 82 celebridades, para defender a igualdade de oportunidades para as mulheres. Elas conquistaram a adesão de 120 festivais pelo mundo para a equidade de gênero nas comissões de seleção e avanços pró-diversidade nas políticas de fomento do CNC.

17:00 - 18:00 - Mesa 3 - Netflix: Histórias e Diversidade no Brasil

A Netflix está comprometida em produzir as melhores histórias brasileiras, e está fazendo isso com foco em ampliar a diversidade tanto na frente quanto por trás das câmeras - impulsionando a inclusão de talentos na realização de filmes e séries no Brasil, apoiando o desenvolvimento de novos talentos e compondo um diverso de executivos liderado pela Maria Angela de Jesus no Brasil, de quem ouviremos as últimas novidades e investidas na empresa no campo de inclusão, diversidade e estratégia no Brasil.


04 de Novembro, quarta-feira


10:45 - 11:00 - Abertura: ONU Mulheres

Ana Carolina Querino - Gerente de Programas da ONU Mulheres Brasil


11:00 - 12:00 - Mesa 1 - Trajetórias: Marisa Leão

A trajetória profissional de Mariza Leão conta com 45 anos produzindo filmes e séries em meio as constantes mudanças políticas do país. Ela se tornou uma das vozes mais ativas na construção de políticas de desenvolvimento para a produção nacional. Sua trajetória conta com inúmeros sucessos de público, entre eles, O Homem da Capa Preta, Canudos, Meu Nome Não é Johnny, De Pernas Pro Ar e Meu Passado Me Condena.


14:00 - 16:00 - Cenário das políticas públicas (fechado)


16:00 - 18:00 - Potencializando a rede de colaboração (fechado)

#Matéria #Evento #Mostra2020 #MostraInternacionaldeCinema #CoberturaEspecial